domingo, 24 de abril de 2011

Nova bolha da Alpha R/C

Com o feriado, o pessoal da Alpha R/C foi testar sua nova bolha Alpha R3 e nós da FS MODELSPORT MZ conseguimos flagrar o teste e tiramos algumas fotos sem o Marcel perceber.


Em primeira mão a nova bolha da Alpha. O aerofólio está mais trabalhado, a bolha tem mais detalhes e parece muito uma Ferrari estilizada. As fotos não tem muitos closes pois não estava fácil uma aproximação.

Espero que tenham gostado da nova bolha e esperem por mais notícias.

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Portugal e seu Campeonato!

Nosso novo amigo e reporter do R/C de Portugal, Jorge Simôes, nos mandou mais uma matéria sobre o campeonato português então, vamos a ela:

"No dia 17 de Abril decorreu a 2ª ronda do Campeonato Nacional Português de Eléctricos na pista de Sintra.

Na classe de stocks o vencedor seria Jorge Simões de novo, tendo sido também o TQ da prova. As qualificações este ano começam a revelar-se meio estranhas, uma vez que com as novas regras de apenas se poder usar um jogo de pneus ao longo do dia muito pilotos apenas fazem 2 mangas em 4 possíveis, o que por vezes torna os resultados imprevisíveis.

Muitas destas estratégias depois também se reflectem nas finais, uma vez que alguns pilotos têm apenas 2 mangas de desgaste nos pneus, outros 3 e muito poucos 4.

Nas finais alguns pilotos tiveram dificuldades, não conseguindo traduzir as suas posições de qualificação em posições finais, tendo os 3 primeiros sido:

1. Jorge Simões
2. Mário Coelho
3. José Figueiredo

Na classe de modificados o vencedor também acabaria por ser o mesmo da 1ª prova, Hugo Miguel. Helder Silva apareceu mais uma vez em grande plano nas qualificações e assegurou o TQ da prova, mas nas finais a experiência e estilo calmo de condução de Hugo Miguel fizeram com que desse a volta ao resultado.


A surpresa seria o estreante Ricardo Furtado que acabaria por terminar em 3º, ficando assim alinhados os 3 primeiros:

1. Hugo Miguel
2. Helder Silva
3. Ricardo Furtado

Aqui ficam os links de algumas galerias da prova.

Galeria 1

Galeria 2"


Fonte: Jorge Simões

terça-feira, 19 de abril de 2011

Obrigado Deus por nossos amigos!

No final de semana passado foi realizada a 1ª Etapa do Campeonato Paranaense da Categoria Super Stock. Tivemos 1 tomanda de tempo e 5 heats sem descarte. Tudo correu bem, clima de companheirismo.

Um evento nota 10 e digno do nosso recomeço. Sentimos a falta de alguns amigos na pista mas acreditamos que em breve todos estarão de volta praticando este excelente hobby com a gente.

Em nome da organização do Campeonato Paranaense queria agradecer a todos os pilotos que nos prestigiaram, ao Nicoforenko que se esforçou para aprender a lidar com o sistema, ao Gabriel Brito que acabou indo até a CAAR para ajudar a agilizar a cronometragem, ao Marcel e Marcos da Alpha R/C que nós forneceram pneus de qualidade e já adiantamos, vai melhorar pois vem roda nova por aí e o Marcel promete que será uma roda reta e balanceada.

Agradecemos também a CAAR por ceder a pista, Nilton Ohta pelas fotos, Chico Jr pela filmagens, nosso amigo Maurício pela vistoria ou seja, agradecemos todos os pilotos e colaboradores que nos ajudaram a realizar uma excelente etapa.

Obrigado a todos e nos perdoem se esquecemos alguém mas é tanta gente que ajudou e a memória é curta. Obrigado e vamos que vamos para a 2ª etapa dia 15 de maio.

De volta com tudo!

Dia de Sol, o que mais poderíamos pedir para a 1ª etapa do Campeonato Paranaense da Categoria Super Stock? Poderíamos pedir um bom grid, qualidade de pilotos, clima de amizade e companheirismo... nossos pedidos foram atendidos.

No retorno do Elétrico nas pistas paranaenses tivemos um total de 10 pilotos inscritos sabendo que temos ainda 3 companheiros de hobby que só irão correr na 2ª etapa por causa de compromissos particulares.

Nosso grid vai crescer ainda mais pois temos mais amigos comprando chassis elétrico e em breve estarão nas pistas com a gente. Nesta primeira etapa tivemos um atraso que já foi sanado para a próxima etapa.

Começamos com uma tomada de tempo valendo a melhor volta e como a tomada de tempo tem 10 minutos de duração, também usamos este tempo para gastar aquela primeira camada de pneu nada favorável.

Após a tomada de tempo tivemos Marcos Silva da Alpha R/C na pole e leva com isso 1 ponto no campeonato. O primeiro heat tem seu grid formado pela tomada de tempo e ficou assim:

TQ - Marcos Silva - 3Racing Sakura Zero
2 - Luiz Sergio Gonzaga - Tamiya TRF417
3 - Flávio Salinet - XRAY T3'11
4 - Hamilton Júlio Jr - Tamiya TRF416
5 - Douglas Schulz - XRAY T3'11
6 - André Brandt - XRAY T3
7 - Sandro Lopes - XRAY T3'11
8 - Miguel Woller - XRAY T3
9 - Nilton Ohta - Corally RDX
10 - Nélio Smolareck - Associated TC3

Com o grid definido, largamos o primeiro heat, lembrando que nossas corridas são de 8 minutos e utilizamos motores 10.5R - 100% do Grid usando motor e ESC da Speedpassion.

O primeiro heat foi bem disputado, os três primeiros brigaram pela ponta com a faca nos dentes mas com muita lealdade. E assim foram em todos os heats seguintes. O grid de largada do heat 2 foi formado pela ordem de chegada do heat 1 e assim por diante. Então o resultado dos heats e grid do heat seguinte foram os seguintes:

Heat 1
1 - Flávio Salinet 33 Voltas
2 - Marcos Silva 32 Voltas
3 - Luiz Sergio Gonzaga 32 Voltas
4 - Hamilton Júlio Jr 31 Voltas
5 - Douglas Schulz 31 Voltas
6 - Sandro Lopes 30 Voltas
7 - André Brandt 14 Voltas
8 - Nilton Ohta 3 voltas
9 - Nélio Smolareck DNS
10 - Miguel Woller DNS

Heat 2
1 - Flávio Salinet 34 Voltas
2 - Luiz Sergio Gonzaga 33 Voltas
3 - Douglas Schulz 33 Voltas
4 - Marcos Silva 32 Voltas
5 - Hamilton Julio Jr 31 Voltas
6 - Miguel Woller 31 Voltas
7 - Sandro Lopes
8 - André Gubert
9 - Nilton Ohta 9 Voltas
10 - Nélio Smolareck DNS

Heat 3
1 - Flávio Loures Salinet 34 Voltas
2 - Luiz Sergio Gonzaga 34 Voltas
3 - Douglas Schulz 31 Voltas
4 - Miguel Woller 31 Voltas
5 - Nilton Ohta 25 Voltas
6 - Marcos Silva 20 Voltas
7 - Sandro Lopes 17 Voltas
8 - Hamilton Júlio Jr 16 Voltas
9 - André Brandt 2 Voltas
10 - Nélio Smolareck DNS

Heat 4
1 - Flávio Loures Salinet 34 Voltas
2 - Luiz Sergio Gonzaga 33 Voltas
3 - Marcos Silva 33 Voltas
4 - Douglas Schulz 31 Voltas
5 - Hamilton Júlio Jr 31 Voltas
6 - Miguel Woller 29 Voltas
7 - Nilton Ohta 6 Voltas
8 - Sandro Lopes 4 Voltas
9 - André Brandt 2 Voltas
10 - Nélio Smolareck DNS

Heat 5
1 - Flávio Loures Salinet 33 Voltas
2 - Luiz Sergio Gonzaga 32 Voltas
3 - Douglas Schulz 31 Voltas
4 - Miguel Woller 30 Voltas
5 - Hamilton Júlio Jr 27 Voltas
6 - Sandro Lopes 26 Voltas
7 - Nilton Ohta 21 Voltas
8 - André Brandt DNS
9 - Marcos Silva DNS
10 - Nélio Smolareck DNS


Vamos ver um video com a movimentação dos boxes e dos 4 heats pois infelizmente não conseguimos a filmagem do heat 5. Vamos ver um pouco da ação:


Após os 5 heats, com o somatório dos pontos tivemos a classificação geral da primeira etapa do Campeonato Paranaense de 2011 que foi:

1º Lugar FLÁVIO SALINET
2º Lugar LUIZ SERGIO GONZAGA
3º Lugar DOUGLAS SCHULZ
4º Lugar SANDRO LOPES
5º Lugar MARCOS SILVA
6º Lugar HAMILTON JÚLIO JR
7º Lugar NILTON OHTA
8º Lugar MIGUEL WOLLER
9º Lugar ANDRÉ BRANDT
10º Lugar NÉLIO SMOLARECK

Agora, vamos treinar mais e esperar pela próxima etapa que será realizada dia 15 de Maio na pista da CAAR desta vez com um grid maior.

Fotos: Nilton Ohta
Video: Chico Jr

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Flávio Elias, melhor brasileiro!

Neste final de semana tivemos o desfecho do Campeonato Mundial mais acompanhado pelos brasileiros. Tivemos no sábado a final do Cameponato Mundial de 1/8 IC. Neste campeonato houve um grande problema com relação aos aditivos de pneu.

Com este problema, novas regras podem surgir mas nada de positivo para a industria do R/C em matéria dos aditivos. Outra mudança que pode ocorrer são nas bolhas visando diminuir o downforce e consequentemente diminuir a velocidade em curva. Com está medida querem reduzir gastos com pneu por exemplo.

Também estão pensando em adotar apenas combustíveis com 16% de nitro o que com certeza iria melhorar o consumo dos 1/8 fazendo mais do que 5 minutos com um tanque. Como era feito alguns anos atrás.

E outra norma visando custos é baixar o número de dias de competição e treinos baixando para apenas uma semana. Mas, o que mais interessa para nós brasileiros é saber que Flávio Elias se tornou o primeiro brasileiro a se classificar direto para uma semi-final de mundial e com reais chances de chegar a final.

Flávio Elias andou na frente de muita gente boa inclusive de Paul Lemieux, craque do elétrico, durante todo o campeonato. Não sabemos dizer ao certo o que aconteceu, acreditamos que foi uma falha mecânica, mas infelizmente nosso amigo brazuca não conseguiu terminar entre os 3 primeiros garantindo uma vaga na final.

Chamou mais ainda a atenção do mundo e agora nos resta esperar até o próximo mundial em 2013. Por enquanto divirtam-se com um video da entrevista dada por Flávio Elias para o Liverc.com com tradução de Henrique Winik.


O resultado final do mundial 1/8 IC foi o seguinte:

1. Robert Pietsch (D) – Mugen/Novarossi – 167L in 47:06.695
2. Keisuke Fukuda (JP) – Mugen/Novarossi – 166L in 46:53.593
3. Dario Balestri (IT) – Capricorn/Novarossi – 166L in 47:00.352
4. Takaaki Shimo (JP) – Kyosho/OS – 166L in 47:02.751
5. Atsushi Hara (JP) – Mugen/OS – 166L in 47:09.161
6. Shinya Shimazaki (JP) – Mugen/Novarossi – 151L in 47:11.611
7. Robin D’Hondt (BE) – Motonica/Gi-Mar – 145L in 47:15.396
8. Simon Kurzbuch (CH) – Shepherd/Max – 144L in 47:07.745
9. Takehiro Terauchi (JP) – Mugen/Novarossi – 85L in 23:57.205
10.Paul Lemieux (US) – Xray/Max – OL

Fonte: Redrc
Video: Liverc

quinta-feira, 14 de abril de 2011

É verdade, deu 30 pilotos!

Neste domingo passado, 10/04, aconteceu a 2.ª Etapa do Campeonato EP 2011, tudo que estava visando ser um sucesso, está se concretizando!

Grid cheio novamente com presença de 30 pilotos!

A Chuva atrapalhou, mas com colaboração do tempo e dos pilotos que ajudaram a secar a pista, foram realizadas, uma tomada, uma bateria das 2 previstas para a Classificatória e fechamos com 2 Finais.

Agradecimes aos patrocinadores RC Barato e Sony Cycle Energy, e o apoio dos pneus da Alpha RC.

Vamos a Etapa:

Stock Light - foi liberado motores sensored o que aumentou o grid de 15 para 18 participantes, Vinicius, o "Batata", conquistou o 1.º lugar, seguido pelo campeão da etapa anterior, Alex, com o Neto, vice da primeira finalizando no 3.º lugar. A light ficou mais equilibrada ainda, várias disputas acirradas, promete muito para as próximas etapas.

Super Stock - Novamente o piloto Felipe Francheschi levou o "caneco", conquistou o primeiro lugar seguido por Alekimura, 2.ª, e Osman em 3.º lugar.

Parabéns aos Campeões e a todos pilotos que fizeram acontecer!
Em breve divulgaremos a tabela oficial, segue a classificação geral:
Stock Light

1º Vinicius
2º Allex
3º Neto
4º Marcelo
5º Paulo Filho
6º Felipe
7º Ricardo Mota
8º Edison
9º Fernando
10º Gustavo
11° Andrson
12º Sortino
13º Guto Bio
14º Paulo T.
15º Paulo Pai
16º Lucas Youngster
17º Fabio
18º Fabricio

Super Stock

1º Felipe Fransceschi
2º Ale Kimura
3º Osman
4º Ricardo Mota
5º Xu
6º Neto
7º Bigode
8º Adalberto Neri
9º Coca
10º Wilson Godoy
11º Marcio Taira
12º Chung

Fonte: Marcelo Blacksheep
Fotos: AARC Jundiaí

O mundial até o momento.

Neste mundial tivemos de tudo, coisas boas como nosso amigo brasileiro Flávio Elias liderando os primeiros treinos livres e coisas ruins, como os pilotos usando os aditivos de pneu que desde o mundial da Argentina estavam proibidos.

Por causa do lance dos pneus com aditivo perdeu-se um dia inteiro de treino com discução e argumentos até acharem uma solução. Uma solução não muito ideal, mas é uma solução. Agora, os pneus ficam em parque fechado e em seu tamanho original.

O piloto só tem acesso aos pneus no momento de correr e para tornear os pneus, todo o procedimento deve ser feito no parque fechado e diante de fiscais da IFMAR. Nós brasileiro temos mania de dizer que somos espertinhos, gostamos do jeitinho mas neste mundial outros países mostraram que tem essa "Lei de Gerson" bem a flôr da pele.

Esta nova regra pode culminar para algo ruim, quem sabe no próximo mundial seja até pneu controlado. Hoje o combustível é controlado por causa de pilotos que trapacearam no passado. Pneu controlado é algo complicado, envolve muitas marcas, muitos interesses.

A melhor solução seria liberar geral, controlar o aditivo. Pode usar mas apenas tal marca, tipo e fornecido pela organização. Seria uma solução mais justa e correta pois o aditivo usado hoje não tem cheiro e nada impede o piloto de ensopar seu pneu novo, deixar a espuma absorver e secar a superficie e entregar para a organização.

Na hora de tornear o pneu, o aditivo já estaria na espuma mais profunda, empregnado e sua ação ainda teria efeito na pista. Mas, solução dada, solução aceita.

Hoje continua o domínio de Robert Pietsch seguido do nosso conhecido Atsushi Hara. Hara se meteu no mundial de off como um estreiante e levou e agora chegou no mundial de 1/8 IC digamos, um pouco mais conhecido e está mostrando para o que veio com seu Mugen impulsionado por um OS (um dos poucos que faz 5 minutos com 1 tanque).

Nosso amigo Flávio Elias precisa de um heat com 37 voltas para conseguir um resultado melhor. Todos sabem e apostam que ele é capaz mas a coisa está difícil. No momento se encontra em 16º lugar o que lhe garante vaga na Semi-Final uma boa coisa já.

A torcida é grande por Flávio Elias, Henrique Winik e Marcelo Giovanetti estes dois estão dando muito azar mas vamos que vamos. Daqui a pouco recomeçam as classificatórios e a torcida continua.

A decepção até agora está sendo o multi-campeão, Lamberto Collari que não está nem entre os TOP 20 e neste momento estaria disputando as quartas de finais para tentar arrumar uma vaga na final. Decepção sim, mas campeão é campeão... olho nele!

Classificação geral após 3 dos 4 rounds classificatórios:

1. Pietsch, Robert (D) – 37L/10:12.769 R1
2. Hara, Atsushi (JP) – 37L/10:13.653 R3
3. Balestri, Dario (IT) – 37L/10:14.446 R1
4. Shimo, Takaaki (JP) – 37L/10:15.456 R3
5. Fukuda, Keisuke (JP) – 37L/10:15.730 R3
6. Ielasi, Daniele (IT) – 37L/10:15.785 R3
7. Terauchi, Takehiro (JP) – 36L/10:01.206 R1
8. Morganti, Paolo (USA) – 36L/10:02.815 R1
9. Romagnoli, Michele (IT) – 36L/10:04.437 R1
10.Verjak, Meen (THA) – 36L/10:04.739 R1
11.Salemi, Walter (IT) – 36L/10:04.889 R2
12.Shimazaki, Shinya (JP) – 36L/10:05.307 R1
13.Salven, Michael (D) – 36L/10:05.691 R2
14.Kurzbuch, Simon (CH) – 36L/10:06.193 R3
15.Vrielijnck, Rick (NL) – 36L/10:06.710 R1
16.Elias, Flavio (BRA) – 36L/10:07.048 R1
17.Cyrul, Josh (USA) – 36L/10:07.384 R2
18.D’Hondt, Robin (BEL) – 36L/10:07.828 R1

Acompanhem ao vivo pelo liverc.com
Fotos: Redrc

terça-feira, 12 de abril de 2011

Paranaense em ação.

Um video da 2ª Etapa do Campeonato Paranaense de Combustão. Video da categoria PRO. Vamos ao video:



Fonte: Luciano Azzi

Verde e amarelo no mundial!

A notícia importante para o mundo sobre o mundial de 1/8 é sobre Robert Pietsch ter sido o TOP nos treinos realizados ontem. Pietsch e Paolo Morganti fora os unicos a marcarem 37 voltas.

O terceiro nos treinos foi nosso conhecido do elétrico, Atsushi Hara que estreiou no 1/8 on-road com um Mugen.

Mas a notícia importante para todos os brasileiro foi o desempenho de Flávio Eias. Nosso brasileiro no mundial era o TOP até o grupo 12 do Round 2 ou seja, liderou a lista mais cobiçada por praticamente todo o dia.

Flávio Elias terminou o dia como TOP 5 nos treinos o que para nós brasileiros é um motivo de orgulho. Tem muita coisa pela frente, pé no chão mas a torcida fica toda para o desempenho do brazuca.

Em um mundial, não é um brasileiro que está lá, é o Brasil em peso que está lá pois um resultado bom no mundial beneficia não só o piloto como todo o nosso automodelismo tupiniquim.

Após 2 rounds de treinos as posições ficaram assim:

1. Robert Pietsch (D) – Mugen/Novarossi – 37L/10:14.490 (2)
2. Paolo Morganti (US) – Serpent/Novarossi – 37L/10:15.143 (2)
3. Atsushi Hara (JP) – Mugen/OS Speed – 36L/10:00.523 (2)
4. Dario Balestri (IT) – Capricorn/Novarossi – 36L/10:01.395 (2)
5. Flavio Elias (BR) – Mugen/Max – 36L/10:05.081 (1)
6. Takehiro Terauchi (JP) – Mugen/Novarossi – 36L/10:05.525 (2)
7. Walter Salemi (IT) – Motonica/Max – 36L/10:06.401 (1)
8. Keisuke Fukuda (JP) – Mugen/Novarossi – 36L/10:07.088 (1)
9. Daniele Ielasi (IT) – Shepherd/Picco – 36L/10:07.089 (1)
10.Mark Green (GB) – Serpent/Novarossi – 36L/10:07.905 (1)

Hoje o jogo começa para valer e quem quiser pode acompanhar toda a ação ao vivo pelo liverc.com dependendo da conta que tiver no site tem transmissão de TV. Câmera móvel e locução.

Fiquem ligados, para aqueles que não tem acesso ao liverc iremos informar vocês ao longo do dia ou uma reportagem final depois de todo o evento.

Fonte: Liverc e Redrc

segunda-feira, 11 de abril de 2011

O que fala mais que 1000 palavras?

Vamos ver algumas imagens do Paranaense 2011 Nitro. Esta foi a 2ª Etapa realizada na pista da CAAR.


Podium da Categorias Light.

Podium da Categoria PRO - Edson Lima começou bem o ano viu?!?! Ganhou a 1ª Etapa do Brasileiro da categoria Master e Light e agora venceu a 2ª etapa da PRO. Ainda bem que não vai correr a 1ª da Elétrico.


Fotos: Nilton Ohta