segunda-feira, 15 de setembro de 2014

No Curitibano, deu Portugal!

Ontem tivemos a 7ª etapa do Campeonato Curitibano de Elétrico nas categorias Clássicos e Super Stock

Com a palavra a família Almeida:

"Família ALMEIDA arrebenta.
Isso mesmo João Manoel Almeida e Lincoln Almeida fazem dobradinha em suas respectivas categorias.

Mas vamos por partes.

Na Gt 7 pilotos brigaram palmo a palmo pela 4 etapa .

Tomada de tempo e dois heats de 25 minutos cada.
E após os dois heats a classificação ficou assim.
1 Djalma 
2 Angelo Carlos Strassburger
3 Francis SOPPA
4 Rodrigo Koehler
5 Carlos Dalcol
6 Vinicius Braz
7 Nélio José Smolareck

Com a Vitória de Djalma, o campeonato esta embolado.
Volta Mais rápida Djalma com 15.219

Na Classicos o pega foi grande também.

Foram 6 pilotos brigando pela vitória.
Otavio Augusto Langowski estava com o pneu SWEEP e com isso seu carro nas primeiras voltas era lento o que fazia a galera abrir bem dele, mas do meio para o fim, Otavio vinha muito forte.

Luiz Francisco Andrade Lima e Leonardo Ferrari também eram muito rápidos, mas o destaque da etapa foi sem duvidas Joao Manoel que era constante e soube muito bem administrar quando estava atrás e quando estava na frente. E após os 6 heats a classificação final ficou assim.

1 Joao Manoel
2 Otavio Langowski
3 Chico Lima
4 Leonardo Ferrari
5 Andre Woller
6 Luiz Carlos Andrade Lima Jr.
Volta mais rápida Otavio Langowski com 17,514.

Ja na EP aconteceu de TUDOOOOOO.

Primeiro na tomada de tempo. A direção de prova cometeu um erro e cadastrou o sensor de Lincoln Almeida no nome de Lucas Baruffi e vice versa.

Após a tomada de tempo Lucas com o sensor de Lincoln fez a pole seguido de Willian Capitelli, Luiz Sergio Gonzaga e Lincoln Almeida.  Ja na largada do primeiro Heat Gonzaga bate e quando volta para a pista atinge Lincoln tirando o mesmo do Heat.

Ao final do primeiro Heat Willian Capitelli leva com Lucas Baruffi em segundo e Rodrigo Xray Sqn em terceiro. No meio do heat a direção de prova fala que o Piloto Lucas não esta com o sensor marcando. Mas logo percebem que o Lincoln mesmo fora continua marcando. Com isso se percebe o erro.

Ao final do Heat Lincoln Almeida entra com uma reclamação alegando que o erro tirou do piloto a pole, o ponto e por conseqüência a colocação privilegiada na largada.

A direção de prova chamou os responsáveis técnicos quando ocorre alguma reclamatoria . Luiz Sergio Gonzaga , Nilton Otha e o próprio Diretor de prova Clarel Castilhos que votaram procedente a reclamação e que o Heat seria CANCELADO e a etapa começaria novamente do começo.

Mas tudo deu certo para Lincoln que dos 6 heats ganhou 5 fez um segundo e teve ainda a sorte de os demais pilotos se alternarem bastante nas outras colocações.

Quem andou muito bem foi Vitor Ohta que parece que acertou seu TOP e Lucas Baruffi que inclusive levou um heat.

Ao final dos 6 Heats a etapa termina assim.

1 Lincoln Almeida 71 pontos

2 Lucas Baruffi 56 pontos
3 Vitor Ohta 54 pontos
4 Otavio Langowski 50 Pontos
5 Adriano Ferro 48 Pontos
6 Rodrigo Stella 42 Pontos
7 André Franchi 41 Pontos
8 Hamilton Julio Junior 41 pontos
9 Miguel Woller 29 pontos
10 Luiz Sergio Gonzaga 18 pontos
11 Fabiano Tkl Franco 17 pontos
Volta mais rapida Lincoln Almeida com 14 712.
Outra curiosidade foi o uso do Pneu SWEEP. Parece que foi aprovado. A direção da categoria ira esta semana fazer uma votação entre os pilotos que participaram ate o momento das etapas para validar se continuam ate o fim do ano ou não com este referido pneu.
Nos vemos na CAAR.
Valeu galera."

Em breve traremos a tabela atualizada do Campeonato mas com a saída de Fabiano Franco da competição já podemos prever que Lincoln Almeida assume a liderança na Super Stock.

Fotos: Chico Lima
Fonte: Lincoln Almeida